segunda-feira, 28 de março de 2011

DEVOCIONAIS - UMA ORAÇÃO SÁBIA


Como as crianças surpreendem a gente! Na semana passada, o Ministério da Família da nossa Igreja promoveu a “HORA DA FAMÍLIA”.(http://prdennermaia.blogspot.com/2011/03/hora-do-planeta-2011-hora-da-familia.html) Este programa pegou carona com o tão falado evento mundial “A HORA DO PLANETA”. A idéia era que cada família se reunisse à luz de velas e, ao mesmo tempo em que participavam da Hora do Planeta, estavam participando da Hora da Família.

No nosso caso foi bem mais de uma hora. Primeiro fizemos um período de louvor. Cantamos vários cânticos, fizemos um “mini-karaoque” – cada um tinha que fazer um solo. Fizemos um estudo, conversamos um pouco e a seguir, cada um fez um pedido de oração.
Pedidos pela escola, pelo trabalho, pelo ministério, por saúde, pelo planeta, etc. Mas um pedido me chamou a atenção. O meu filho caçula, de seis anos, fez um pedido assim:
“Eu quero abençoar pra saber falar as coisas na hora certa e do jeito certo.”
Em outras palavras, o que ele estava pedindo era:
“Eu peço a Deus que me abençoe, me dando a capacidade e a sabedoria para falar o que é certo, da maneira correta.”
Naquele momento, todos ficamos surpresos com o pedido dele e glorificamos a Deus. Este pedido, me fez lembrar dois textos da palavra:

Salmos 141.3 (NVI): Coloca, Senhor, uma guarda à minha boca; vigia a porta de meus lábios.

Salmos 19.14(NVI): Que as palavras da minha boca e a meditação do meu coração sejam agradáveis a ti, Senhor, minha Rocha e meu Resgatador!

Ah, quão bom seria se cada um fizesse esta oração diariamente! Quantos aborrecimentos seriam evitados, quantas mágoas não nasceriam, quanta violência e até morte não aconteceriam, quantos atritos, decepções, lágrimas e traumas deixariam de existir. Quantos casamentos, relacionamentos e famílias inteiras não seriam abalados pelo mal uso da nossa lingua.

No livro de Tiago a lingua é comparada a “um fogo, um membro indomável, um mal incontrolável, cheio de veneno mortífero” – Tiago3. 6-8.

Se queremos viver a vida plena que Jesus tem para nos oferecer, precisamos matar o velho homem por trás de nossa lingua. Precisamos de toda ajuda possível para subjugar a nossa língua ao controle do Espírito Santo de Deus que habita em nós.

È como já publicamos aqui:
“Aquilo que se cala ainda pode ser dito; mas aquilo que foi dito já não pode ser calado"


Oração: Senhor, ajuda-me a ter o domínio próprio, a dominar minha lingua e usá-la somente como manancial de bênçãos.


Pensamento para o dia: Apalavra é prata, mas o silêncio é ouro.


Autor: Pr. Dener Maia
(Permitida a reprodução desde que seja citada a fonte)


2 comentários:

  1. PASTOR ESTOU ADORANDO TODO ESSE CONTEÚDO DO BLOG FICOU MUITO BOM ... OU MELHOR FICOU ÓTIMOOOOO ISLEI

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Islei. Espero que cada linha sirva para abençoar sua vida. Um abraço.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...