sábado, 27 de maio de 2017

SALMOS 23: 2 - ELE CUIDA DE MIM




SÉRIE DE MENSAGENS – SALMOS 23
2 - ELE CUIDA DE MIM
(09/04/2017)

Introdução: Na semana passada, ao estudarmos o verso 1 desse maravilhoso Salmo, aprendemos que precisamos de um pastor, somos frágeis e dependentes dos cuidados do supremo pastor e que, com Ele, temos um íntimo relacionamento e dele recebemos o suprimento de todas nas nossas necessidades. 
Saber que O Senhor é o nosso pastor também deve nos impulsionar a: 
  • Continuar confiando nele, mesmo em meio a guerras e conflitos
  • Vivermos uma vida que lhe agrade em obediência às suas ordens
  • Dedicarmos a Ele toda a nossa adoração

TEXTO BÍBLICO – SALMO 23
23.1   O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará.
23.2   Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso; 
23.3   refrigera-me a alma. Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome. 
23.4   Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam.
23.5   Preparas-me uma mesa na presença dos meus adversários, unges-me a cabeça com óleo; o meu cálice transborda. 
23.6   Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do SENHOR para todo o sempre.

1 – ELE ME FAZ DESCANSAR 
“Deitar-me faz em verdes pastos” 
Vivemos dias tão agitados, o ritmo de vida está cada vez mais intenso. Apesar dos avanços tecnológicos e dos meios de transporte, o tempo parece nunca ser o suficiente para fazermos tudo o que precisamos. No meio dessa agitação o nosso supremo Pastor nos faz repousar em pastos verdejantes. Nesse descanso , Ele também nos orienta de uma maneira especial: 
  • Uma orientação personalizada ◦ “deitar-me faz” - é Ele que me faz deitar. O pastor sabe da importância do descanso para as ovelhas. O nosso Pastor também deseja que tenhamos momentos de descanso.
  • Não só descanso físico, mas mental e espiritual. Na vida agitada que você vive, você tem tido momentos de descanso? Ou você está “queimando a vela nas duas pontas”? 

domingo, 14 de maio de 2017

SALMOS 23: 1 - O SENHOR É O MEU PASTOR



SÉRIE DE MENSAGENS – SALMOS 23
1 – O SENHOR É O MEU PASTOR
(02-04-2017)

INTRODUÇÃO: Depois de João 3.16, o Salmo 23 é sem duvida o texto mais conhecido da Bíblia em todo o mundo. Ele já inspirou milhões de sermões, milhares de composições musicais e poéticas, já acalentou corações desesperançados, abatidos e desesperados. As verdades nele contidas também nos dão refrigério no luto, nas perdas e também nos momentos de vitória e de gratidão. 
Davi, o autor desse Salmo, soube fazer uma analogia perfeita do cuidado de Deus com o ofício de pastor de ovelhas, atividade que ele conhecia tão bem por apascentar as ovelhas de seu pai Gessé. 
Aproximadamente 980 anos depois de Davi escrever o Salmo 23, nasce o nosso supremo pastor Jesus, Aleluia! Ele chamou-se a si mesmo de bom pastor que dá a vida pelas suas ovelhas. Hebreus diz que ele é o grande pastor das ovelhas que as guia e vive por elas e Pedro viu-o como o supremo pastor que voltará para as ovelhas para recompensá-las.

TEXTO BÍBLICO – SALMO 23
1   [Salmo de Davi] O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará.
2   Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso; 
3   refrigera-me a alma. Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome. 
4   Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam.
5   Preparas-me uma mesa na presença dos meus adversários, unges-me a cabeça com óleo; o meu cálice transborda. 
6   Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do SENHOR para todo o sempre.

1 – PORQUE PRECISAMOS DE UM PASTOR?
Andar sozinho por este mundo é tarefa impossível. Desde que nascemos somos dependentes. Nascemos indefesos, indiferentes à maldade que nos cerca, inocentes aos perigos que nos rodeiam. Depois que crescemos, erroneamente achamos que já somos “donos do próprio nariz”. A autossuficiência invade nosso coração, a força da juventude nos diz que há muita vida pela frente, ficamos inebriados pela boa saúde, achando que ela é de ferro e vai durar para sempre (e por causa disso abusamos dela)
Um autor desconhecido certa vez fez uma paráfrase do Salmo 23 como sendo escrito pelo homem arrogante e autossuficiente, veja:

sexta-feira, 12 de maio de 2017

PASTORAL - A DECADÊNCIA DE UM HOMEM



A DECADÊNCIA DE UM HOMEM
“Quanto ao ímpio, as suas iniquidades o prenderão, e com as cordas do seu pecado será detido. Ele morrerá, porque desavisadamente andou, e pelo excesso da sua loucura se perderá.”
(Provérbios 5:22,23)

Na última quarta-feira, 10 de Maio, todos os olhares da nação e do mundo se dirigiram para a cidade de Curitiba. Mais precisamente para a Sede da Polícia Federal onde aconteceu o depoimento do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva intimado a depor diante do Juiz Sergio Moro para prestar esclarecimentos em um de outros cinco inquéritos em que ele é réu. O processo faz parte da Operação Lava Jato relacionado a um apartamento triplex em Guarujá (SP). O depoimento que durou quase cinco horas, alterou a rotina da cidade de Curitiba e atraiu a atenção de todos. 

Ao assistirmos os vídeos que foram divulgados depois do término do depoimento, pudemos perceber um clima de nervosismo, de tensão, de palavras estudadas e milimetricamente calculadas por parte do ex-presidente para não complicar ainda mais a sua situação perante a lei. Ele, que teve tudo para ser considerado um herói nacional, figura hoje como inimigo número um da nação brasileira. 

Diante desse drama e à luz do texto que lemos acima, queremos tirar algumas lições preciosas para as nossas vidas:

“QUANTO AO ÍMPIO”: O texto começa fazendo advertências àqueles que se portam e são classificados como ímpios. A estes o Senhor resiste, despreza, desconhece seus caminhos que, um dia, perecerão. O ímpio tem como característica a maldade, a desobediência a Deus e aos seus mandamentos, é a condição e a atitude de rebelião contra Deus.  

“AS SUAS INIQUIDADES O PRENDERÃO”: A iniquidade, a maldade, a desonestidade que hoje parece reluzente, vantajosa e desejável, amanhã se revelará em algemas na vida daqueles que as praticarem. É a confirmação (e talvez daqui saiu a inspiração) para o conhecido bordão que diz que “O CRIME NÃO COMPENSA”.

“ELE MORRERÁ”: A morte eterna, para a qual não há recursos, nem apelação e muito menos segunda instância, é a trágica sentença dada àqueles que levam uma vida dissoluta, irresponsável e inconsequente de delitos e pecados.

“PELO EXCESSO DA SUA LOUCURA SE PERDERÁ”: A Bíblia nos afirma que “tudo o que o homem semear, isso também ceifará” (Gl 6.7). Aqueles que semeiam iniquidade e desonestidade, que vivem uma vida de desrespeito e desamor ao próximo e que têm o seu próprio ventre como o seu deus, se perderão. Na parábola do Rico Insensato, o Senhor Jesus a finaliza com uma pergunta: “Louco! Esta noite te pedirão a tua alma, e o que tens preparado, para quem será?” 

Que o Senhor nos abençoe de tal maneira que nossos pés andem distantes da iniquidade e das desonestidades que nos cercam e que em nosso coração haja sempre o temor do Senhor, que é o princípio da sabedoria. Amem!

Pr. Dener Maia 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...