domingo, 10 de agosto de 2014

Pastoral: HOMENAGEM AOS PAIS


“Assim como um pai se compadece de seus filhos, assim o Senhor se compadece daqueles que o temem.” 
(Salmos 103.13)

 “MEU GRANDE EXEMPLO”
Quem disse que por de trás daquela barba que nos arranha o rosto não tem um coração moleque querendo brincar?
Quem disse que por detrás daquela voz grossa não tem um menino criativo querendo falar?
Quem foi que falou que aquelas mãos grandes não sabem fazer carinho se o filho chorar?
Quem foi que pensou, que aqueles pés enormes, não deslizam suaves na calada da noite, para o sono do filho velar?
Quem é que achou que no fundo do peito largo e viril não tem um coração de pudim, quando o filho amado, com um sorriso largo se põe a chamar?
Quem foi que determinou que aquele coroa, de cabelos brancos não sabe da vida para querer me ensinar?
Pai, você me escolheu filho, eu te fiz exemplo!
Feliz Dia dos Pais, meu pai.
(Anônimo)

Hoje comemoramos o Dia dos Pais. 
Devem receber a gratidão e o carinho dos filhos neste dia, não os pais perfeitos (pois não existem), mas aqueles que se esforçam em acertar a cada dia.

Não só os pais ricos e que podem dar tudo aos filhos, mas também os que mesmo não sendo ricos, enriquecem a vida dos filhos.
Não só os que são doutores e mestres, mas também aqueles que mesmo não tendo estudo são cheios de sabedoria.
Não só os formosos e esbeltos, mas principalmente aqueles de mãos calejadas por tanto trabalhar.
Não só os de pele vistosa, mas principalmente aqueles cuja face traz as marcas do tempo e do suor do trabalho honesto.
Não só os jovens, mas também os idosos.
Não só os fortes, mas também os que necessitam de nossa ajuda para andar.
Não só os carinhosos e comunicativos, mas também aqueles que de tanto sofrerem e de não terem recebido carinho, não sabem expressá-lo.

Ser pai é um grande desafio. Ser pai é uma imensa responsabilidade, porém ser pai é um grande privilégio, é uma grande alegria. 

Mesmo que você tenha tido um pai ausente, um pai que não tenha atendido às suas expectativas, um pai que tenha falhado com você, que não tenha cumprido o seu papel: PERDOE-O! Lembre-se que em Deus nós temos um Pai perfeito, que nos ama, que se compadece de nós, que está sempre presente, nunca nos abandona. Ele é o seu, o meu o nosso Pai. 
FELIZ DIA DOS PAIS!  

Pr. Dener Maia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...